Covid-19: pesquisa epidemiológica vai medir a expansão da pandemia em Tailândia

A Secretaria Pública de Saúde do Estado do Pará (SESPA) em conjunto com a Universidade do Estado do Pará (UEPA) estará a partir do dia 08 de julho, no município de Tailândia, nordeste paraense, para aplicar inquérito epidemiológico denominado “Evolução da Prevalência de Infecção por Covid-19”, para Identificar o quantitativo de pessoas infectadas ou não pelo novo coronavírus no município, através de uma amostragem.
Esses são os objetivos de uma pesquisa epidemiológica que o governo do Pará começa a realizar, em oito regiões de regulação do Pará. Os resultados desse estudo vão subsidiar o planejamento, assim como a implementação de políticas públicas eficientes para o enfrentamento da doença em todas as regiões paraenses.
A pesquisa será aplicada em 52 municípios paraenses, escolhidos conforme setores censitários do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). Em todas as cidades, serão desenvolvidos inquéritos epidemiológicos, tanto na zona rural quanto na urbana.
O levantamento será dividido em duas etapas: a primeira será a aplicação de questionários de múltipla escolha, para identificar o perfil demográfico e socioeconômico da população, assim como a presença ou não de sintomas da doença, a relação com a pandemia e com as medidas de proteção contra o vírus; a segunda será a testagem aleatória para a Covid-19, chamada de ‘Teste do IGG’.
A expectativa é que sejam abordadas pessoas de ambos os sexos, com idade igual ou superior a 16 anos, residentes nos domicílios de abrangência do estudo. A pesquisa utilizará os testes rápidos como base, os quais emitem resultados após 15 ou 20 minutos e indicam se a pessoa tem ou não os anticorpos do novo coronavírus.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *