Educadores da zona rural e urbana envolvidos nas atividades remotas dos alunos

No município de Tailândia, nas escolas polos da zona rural, os professores e gestores estão se deslocando para as vicinais da região orientando os alunos, juntamente com os pais, como realizar as atividades remotas.

Evitar o déficit de aprendizagem

O objetivo dessas atividades remotas, no período da pandemia, é evitar o aumento do déficit de aprendizagem, da evasão escolar e da repetência, mas para isso os alunos e as famílias precisam manter contato virtual com a escola e a escola com a comunidade para não ter retrocesso no aprendizado, nas áreas onde não chega a Internet.

Acompanhamento da escola

No Escola Polo da Vila Olho D’água as aulas remotas estão sendo acompanhadas pela diretora, coordenadora pedagógica e professores, que vão buscar na residência dos alunos nas vicinais as atividades e orientando os alunos a fazerem a entrega das atividades pedagógicas.

Esforço

Isso é todo um esforço da secretaria de educação, com as direções, coordenadores e professores para superar este momento de aulas e atividades remotas nas escolas. Este empenho está acontecendo em escolas coa zona rural, Escola São Pedro, na Vila Turi Açú.

Zona Urbana

No mesmo “pique” estão as direções, coordenações e professores das escolas da zona urbana, como nas escolas Maria do Carmo e Socorro Ricarte e outras.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *